Terça, 10 De Julho De 2018

Notícias sobre Filmes, Séries e Netflix

Especial | 5 melhores filmes baseados na obra de H.P. Lovecraft

Filmes baseados em suas obras

H.P. Lovecraft¬†foi um dos maiores autores da¬†literatura cl√°ssica g√≥tica. Morreu novo, com apenas 46 anos, em decorr√™ncia de um c√Ęncer no est√īmago, mas deixou uma enorme contribui√ß√£o na fic√ß√£o cient√≠fica de horror, na qual ficou conhecida como¬†‚ÄúTerror C√≥smico‚ÄĚ. Nele, mostrava o ser humano sempre diante de uma realidade paralela hostil e assustadora habitada por criaturas estranhas que adentravam em nossa realidade para aniquilar os seres humanos.
S√£o hist√≥rias que exploram os nossos medos mais primitivos, emo√ß√£o favorita do escritor, como ele pr√≥prio definiu:¬†‚ÄúA emo√ß√£o mais antiga e mais forte da humanidade √© o medo, e o mais antigo e mais forte de todos os medos √© o medo do desconhecido‚ÄĚ. Logo, os seus textos sempre foram marcados por descri√ß√Ķes minuciosas ‚Äď envolviam at√© aspectos geogr√°ficos detalhados ‚Äď sem contar o mundo fant√°stico que ele criou, com destaque para o¬†Necronomicon ‚Äď Livro dos Mortos¬†e o¬†mito de¬†Cthulhu,¬†duas cria√ß√Ķes da sua mente f√©rtil. Por isso, qualquer diretor ou roteirista que resolva entrar ‚Äúneste mundo‚ÄĚ, por mais que o resultado seja ruim, merece ser valorizado pela iniciativa de tentar transpor para tela grande, o material complexo do escritor.
Lembro-me da primeira vez que li Nas Montanhas da Loucura e imaginei o quanto seria difícil realizar uma versão cinematográfica do filme, algo que se comprovou como uma verdade em virtude do engavetamento da adaptação a ser dirigida por Guillermo Del Toro. Por isso, são poucos os filmes que realmente tiveram resultados satisfatórios. Não é qualquer pessoa que tem a habilidade em traduzir, na essência, o magistral mundo fantástico relatado pelo escritor.
Apesar disso, esta lista do¬†Cine Set¬†encontrou¬†5 adapta√ß√Ķes dignas de nota. Todas elas adaptadas de um conto do escritor. Vale citar que as contribui√ß√Ķes do escritor tamb√©m envolveram filmes que foram influenciados por suas obras (nas men√ß√Ķes honrosas citaremos algumas). Vale mencionar que apenas um cineasta adaptou diversos trabalhos com enorme qualidade:¬†Stuart Gordon, por isso, se voc√™ quiser aprofundar melhor a obra de Lovecraft no cinema, comece procurando os filmes deste diretor. Al√©m disso, na literatura, o mestre¬†Stephen King¬†j√° relatou que Lovecraft serviu de inspira√ß√£o para seus trabalhos. Nos videogames, nada me tira da cabe√ßa que jogos como¬†Doom¬†e¬†Castlevania¬†apresentam a ess√™ncia dos contos do autor. At√© nas HQs √© poss√≠vel notar esta influ√™ncia, assim como na m√ļsica. Confira abaixo as boas adapta√ß√Ķes que souberam transcrever com efici√™ncia o sentimento do medo da obra do autor no cinema:

1. O FILHO DAS TREVAS (THE RESURECTED, 1991, DE DAN O’BANNON)

(Imagem: Divulgação)
O Filho das Trevas

Uma das raras boas produ√ß√Ķes de horror da d√©cada de 90. √Č bem fiel ao conto¬†O Caso de Charles Dexter Ward, mesmo que apresente suas licen√ßas po√©ticas. Claire (Jane Sibbett) √© esposa de Charles Dexter Ward (Chris Sarandon, o vampir√£o charmoso de¬†‚ÄúA¬†Hora do Espanto‚ÄĚ) que procura pelo detetive particular John March (John Terry, o pai de Jack no seriado¬†Lost) para que ele investigue o que seu marido anda fazendo de misterioso em uma cabana isolada que pertence √† fam√≠lia. Vale destacar o enredo que mistura alquimia, canibalismo e magia negra, elementos fabulosos na literatura de Lovercraft. O canastr√£o¬†Chris Sarandon¬†est√° muito bem (e assustador) no papel de Charles. S√≥ que o grande atrativo do filme √© a √≥tima constru√ß√£o da atmosfera sombria realizada por¬†Dan O‚ÄôBannon, o mesmo sujeito que escreveu cl√°ssicos do cinema B como¬†‚ÄúAlien ‚Äď O Oitavo Passageiro‚ÄĚ,¬†‚ÄúFor√ßa Sinistra‚Ä̬†e¬†‚ÄúOs Mortos-Vivos‚ÄĚ. Tamb√©m marca um dos seus raros trabalhos atr√°s das c√Ęmaras, junto com o cl√°ssico¬†‚ÄúA Volta dos Mortos Vivos‚ÄĚ.

2. MORTE PARA UM MONSTRO (DIE, MONSTER, DIE, 1965, DE DANIEL HELLER)

(Imagem: Divulgação)
Morte para um Monstro

Baseado no conto¬†A Cor que Caiu do C√©u,¬†√© uma interessante adapta√ß√£o gra√ßas ao enredo cheio de mist√©rio e a atmosfera de suspense no melhor estilo ‚Äúlovecrafitiano‚ÄĚ. A dire√ß√£o segura de¬†Heller¬†‚Äď que por muitos anos foi diretor de arte dos filmes de¬†Roger Corman¬†‚Äď acerta na constru√ß√£o simples em desenvolver o suspense de modo gradativo. Um meteorito cai em uma pequena cidade, espalhando horror e loucura nos moradores da cidade. O enredo mistura ocultismo e adora√ß√£o por criaturas fant√°sticas da mitologia cl√°ssica, ou seja, bebe diretamente da fonte do escritor. Pela experi√™ncia de Heller na √°rea art√≠stica,¬†‚ÄúMorte para um Monstro‚Ä̬†√© marcado por uma bela fotografia g√≥tica e cen√°rios sinistros. E o elenco conta com o grande¬†Boris Karloff, aqui j√° bastante debilitado em virtude da idade, mas ainda assim genial.

3. DAGON (DAGON, 2001, DE STUART GORDON)

(Imagem: Divulgação)
Dagon

Uma excelente adapta√ß√£o que s√≥ um g√™nio especialista no assunto como¬†Stuart Gordon¬†poderia fazer. Levou 15 anos para ser realizado ‚Äď o cineasta queria rodar o filme em 1985 para fechar sua trilogia sobre o autor. A produ√ß√£o conta com o famoso trio que mostrou afinidade em adaptar os textos do escritor: al√©m do diretor, temos¬†Dennis Paolli¬†no roteiro e¬†Brian Yuzna¬†na produ√ß√£o. S√≥ faltaram¬†Barbara Crampton¬†e o insano¬†Jeffrey Combs¬†no elenco. Paul Marsh est√° de f√©rias com sua namorada e um casal de amigos em um barco na costa espanhola. Uma tempestade encalha o barco, e os dois v√£o procurar ajuda em uma ilha pr√≥xima que esconde um segredo.
Longe dos outros trabalhos marcados pelo humor negro e adaptados por Gordon em relação ao texto de Lovecraft, Dagon apresenta um clima sombrio com as esquisitices e bizarrices do conto do autor. O enredo é uma mistura de criaturas anfíbias e paganismo. O tom misterioso impregna cada frame, assim como os elementos oníricos que permitem ótimos resultados ao filme. O roteiro ainda guarda um subtexto interessante em relação à xenofobia. Destaque para a bela Macarena Gómes e a ótima participação do grande Francisco Rabal. Em linhas gerais, um filmaço, ainda que sem o hype dos outros trabalhos do cineasta.

4. CASTELO ASSOMBRADO (THE HAUNTED PALACE, 1963, DE ROGER CORMAN)

(Imagem: Divulgação)
Castelo Assombrado

Um filme que junta nada menos que esta sele√ß√£o de not√°veis do mundo fant√°stico:¬†Roger Corman, H.P. Lovecraft, Edgar Allan Poe, Vincent Prince, Lon Chaney Jr e Charles Beaumont. N√£o tinha como dar errado e realmente passa longe disso. √Č um poderoso filme, um belo cl√°ssico do cinema de horror da d√©cada de 60. √Č baseado em um poema de Poe e no conto de Lovecraft,¬†O Caso de Charles Dexter Ward,¬†ainda que a ess√™ncia do segundo predomine. √Č oficialmente a primeira produ√ß√£o baseada nos escritos do escritor para o cinema. Corman, que at√© ent√£o adorava adaptar os trabalhos de Poe, n√£o decepciona em adaptar outro mestre do horror. Carrega o filme com tons g√≥ticos e traduz o mundo c√≥smico e bizarro de Lovecraft com uma fidelidade absurda. E¬†Vincent Price¬†est√° soberbo como Charles Dexter Ward, um sujeito que come√ßa a ficar obsessivo em descobrir o passado do seu ancestral, Joseph Curwen (tamb√©m feito por Price), um bruxo acusado de praticar magia negra no s√©culo XIX. Como curiosidade, um dos colaboradores do roteiro foi um sujeito chamado¬†Francis Ford Coppola.

5. DO AL√ČM (FROM THE BEYOND, 1986, DE STUART GORDON)

(Imagem: Divulgação)
Do Além

√Č o filme mais insano que consegue captar toda a loucura e o mundo fant√°stico do escritor.¬†Do in√≠cio ao fim, √© um trabalho que chuta o balde e ¬†brinda os f√£s com uma narrativa fren√©tica repleta de humor negro associando sexualidade com nojeira (estamos falando da d√©cada de 80, onde isso era frequente), adicionando ao tempero criaturas grotescas sa√≠das da mente doentia de¬†Stuart Gordon, que deve ser a pr√≥pria reencarna√ß√£o do escritor que¬†voltou √†¬†vida apenas para adaptar seus trabalhos para o cinema.
Crawford Tillinghast (Jeffrey Combs, o ator mais ‚Äúlovecrafitiano‚ÄĚ) √© assistente do pervertido Dr. Edward Pretorius (Ted Sorel), que trabalha em uma m√°quina chamada ressonador, capaz de estimular a gl√Ęndula pineal e permitir a visibilidade de uma dimens√£o paralela, habitada de criaturas bizarras. A Dra. Katherine McMichaels (a linda¬†Barbara Crampton) √© chamada para ajudar nas investiga√ß√Ķes e resolve voltar √† casa de Pretorius para provar a teoria de Tillinghast de que estas criaturas de outra dimens√£o mataram seu chefe. Destaque para a atua√ß√£o insana de Combs ‚Äď perfeito na sua maluquice ‚Äď e a √≥tima maquiagem e efeitos, principalmente a concep√ß√£o visual das criaturas criadas por¬†Mark Shostrom.¬†‚ÄúDo Al√©m‚Ä̬†tem aquela pegada cl√°ssica dos filmes de¬†Cronenberg, com a diferen√ßa que √© regada a muita dem√™ncia, fetiches sexuais e¬†gore¬†excessivo. Um Filma√ßo.

MEN√á√ēES HONROSAS

O Chamado de Cthulhu (2005): Dirigido por Andrew Leman, foi um trabalho que teve a produção da H.P. Lovecraft Historical Society e é considerado pelos fãs, o filme mais fiel da obra do escritor. Todo filmado em preto e branco.
Re-Animator (1985): Não entrou na lista porque é um verdadeiro clássico dirigido por Stuart Gordon. Obrigatório para quem ama cinema de terror ou Lovecraft.
O Altar do Diabo (1970): Outro filme dirigido por Daniel Heller. Mistura os enredos lisérgicos da década de 70 com seitas demoníacas.
Castelo Maldito (1995): Stuart Gordon mais uma vez. Segue uma linha mais de terror clássico sem qualquer traço de humor negro.

FILMES LEVEMENTE INSPIRADOS EM H.P. LOVECRAFT

À Beira da Loucura (1990): Carpenter presta uma ótima homenagem ao Mestre. Este com certeza ficaria feliz com o resultado final.
Evil Dead ‚Äď A Morte do Dem√īnio¬†(1981): Ash libera os dem√īnios depois de ler o livro dos mortos¬†Necronomicon. J√° ¬†vimos o nome deste livro em algum lugar?
O Último Portal: Tudo bem que está longe de ser um dos melhores trabalhos de Roman Polanski, mas a atmosfera não deixa de ser fiel a Lovecraft.
Alien ‚Äď O Oitavo Passageiro: Toda a concep√ß√£o do monstro como da espa√ßonave¬†Nostromo¬†criada por H.G.Ringer representa a ess√™ncia do terror c√≥smico do escritor.

Quem é PikachuSama

Editor de Contéudo deste site. Eu não sei muita coisa, mas gosto de tentar aprender para fazer o melhor.

 

  

Posts Relacionados
%d blogueiros gostam disto: