Sexta, 09 De Novembro De 2018

Anuncie Aqui!

Prêmio Jabuti 2018 Anuncia Seus Vencedores

Falamos aqui sobe o Jabuti quando foram anunciados os concorrentes à edição 2018 do prêmio. E na noite de quinta-feira, 8 de novembro, foi realizada a entrega do icônico quelônio aos vencedores, em cerimônia realizada no Auditório Ibirapuera, São Paulo, com apresentação de Serginho Groisman.

O livro de poesias À Cidade, lançado de forma independente pelo cearense Mailson Furtado Viana, além de sair vencedor na sua respectiva categoria, ganhou o grande prêmio Livro do Ano, levando assim R$ 100.000 (cem mil reais) pra casa. Trata-se de uma obra de sobre a terra natal do autor, o pequeno município de Cariré, de 20 mil habitantes, sendo intercalada por elementos geográficos, históricos, sociológicos, políticos e folclóricos.

Ao ser congratulado no palco, o poeta proferiu um emocionado discurso: “O livro foi todo feito à mão, de maneira independente. Até o desenho da capa é meu. A obra narra sobre o meu lugar, uma cidade que nunca entrou em nenhum registro bibliográfico, e agora estou com esse prêmio”. E continuou: “Sou de um estado onde praticamente todos os meus amigos pagam para se publicar. Essa indicação e esse prêmio abrem essa janela para o mercado, e autores de grande qualidade não publicam mais porque não têm espaço e precisam se bancar. Este prêmio não é meu, é nosso”.

Confira abaixo a lista dos ganhadores nas principais categorias:

Livro do ano

“à cidade” (Autor Independente), de Mailson Furtado Viana

Romance

“O clube dos jardineiros de fumaça” (Companhia das Letras), de Carol Bensimon

Conto

“Enfim, Imperatriz” (Editora Patuá), Maria Fernanda Elias Maglio

Crônica

“O poeta e outras crônicas de literatura e vida” (Global Editora), de Rubem Braga, André Seffrin e Gustavo Henrique

Histórias em Quadrinhos

“Angola Janga” (Veneta), de Marcelo D’Salete

Infantil e Juvenil

“O Brasil dos dinossauros” (Marte Cultura e Educação), de Luiz Eduardo Anelli e Rodolfo Nogueira

Tradução

Nesta categoria houve um empate. Os ganhadores foram:

“O macaco e a essência” (Biblioteca Azul), tradução de Fábio Bonillo

“Giuseppe Ungaretti: Poemas” (Editora da Universidade de São Paulo), tradução de Geraldo Holanda Cavalcanti

Biografia

“Roquette-Pinto: O corpo a corpo com o Brasil” (Casa da Palavra), de Claudio Bojunga

Posts Relacionados
%d blogueiros gostam disto: