Terça, 18 De Dezembro De 2018

Anuncie Aqui!

Resenha | Jogador N¬ļ 1 (sem spoilers)

Jogador N¬ļ 1¬†√© um baita livro, sem d√ļvida. A hist√≥ria de Ernest Cline, embora clich√™ prende a aten√ß√£o do leitor e estimula o bichinho do saudosismo principalmente nos mais velhos, embora seja voltado para os jovens apresentando toda uma cultura pop/gamer que eles n√£o vivenciaram, com toneladas de refer√™ncias a filmes, s√©ries, games, livros, m√ļsicas e elementos de 30 anos atr√°s, o tipo de coisa que enlouqueceria qualquer est√ļdio tentado a adapt√°-lo para o cinema.
S√≥ que a Warner conseguiu contornar os problemas e conta com ningu√©m menos que Steven Spielberg no comando da pel√≠cula, e a vers√£o cinematogr√°fica de¬†Jogador N¬ļ 1¬†√© uma aventura digna das melhores matin√™s que o diretor j√° nos entregou.
Aumente o som e acompanhe nossa resenha, livre de spoilers.

A Fant√°stica F√°brica Gamer

A trama do filme acontece num futuro próximo, em que décadas de exploração desenfreada dos recursos naturais da Terra esgotaram o planeta e a economia está indo para o ralo, sem uma perspectiva de melhora futura. Todo mundo desistiu de fazer alguma coisa e grande parte da população mundial prefere fugir da realidade, fazendo uso do sistema de entretenimento virtual mais potente e popular já criado: o OASIS, uma mistura de Second Life com o Holodeck para as massas.
Dentro do ambiente virtual voc√™ pode fazer qualquer coisa, desde assistir aulas a trabalhar e √© claro, jogar e basicamente ser qualquer personagem que desejar. H√° uma infinidade de mundos criados com base em diversas marcas, est√ļdios de cinema, s√©ries, livros, games, o que voc√™ imaginar. Seu criador, o exc√™ntrico e recluso James Halliday (Mark Rylance) o criou com a ajuda de seu ex-amigo Ogden Morrow (Simon Pegg), mas nos eventos do filme o pai do OASIS j√° est√° morto h√° cinco anos.

Só que antes de morrer ele entrou em modo Full Willy Wonka, anunciando uma caça ao Ovo de Páscoa (ou easter egg para os puristas) e escondeu três chaves no OASIS, fornecendo dicas baseadas em seus gostos pessoais (filmes, games e séries dos anos 1980 principalmente) para que fossem encontradas. Quem chegar primeiro ao ovo herdará toda a sua fortuna e a propriedade do OASIS, e o concurso disparou uma cultura da nostalgia com jovens redescobrindo coisas que eles nunca experimentaram porque não eram nascidos na época.
S√≥ que passados cinco anos ningu√©m conseguiu fazer um ponto sequer, at√© que um pobret√£o de Ohio chamado Wade Watts (Tye Sheridan), que no OASIS √© um ca√ßa-ovo chamado Parzival¬†(outro nome para Sir Percival, o cavaleiro da T√°vola Redonda que segundo as Cr√īnicas Arturianas encontrou o Santo Graal, o c√°lice que Jesus de Nazar√© teria utilizado na¬†√öltima Ceia)¬†desvenda a primeira dica e consegue a Chave de Cobre, sendo o primeiro a pontuar no placar desde o in√≠cio da ca√ßa ao ovo de Hallyday.

Corra, Parzival, Corra

 
A partir do momento em que Parzival coloca as m√£os na primeira das tr√™s chaves, tem in√≠cio uma corrida fren√©tica atr√°s das duas restantes e do ovo de Halliday, e enquanto ele e os outros ca√ßa-ovos Aech, Art3mis, Daito e ShŇć trabalham juntos como uma equipe para desvendar as dicas deixadas pelo criador do OASIS¬†(o que n√£o acontece no livro, onde apesar de aliados eles competem entre si), o CEO da¬†Innovative Online Industries Nolan Sorrento¬†(Ben Mendelsohn, que est√° pegando gosto em interpretar vil√Ķes), a corpora√ß√£o que far√° de tudo para colocar as m√£os no OASIS e passar a cobrar mensalidade e outras coisas joga pesado e passa a ca√ß√°-los dentro e fora do game, ao v√™-los como uma amea√ßa a seus neg√≥cios.
H√° diferen√ßas entre o livro e o filme, como os desafios em busca das chaves serem todos diferentes¬†(o que √© bom, adiciona surpresa)¬†e da mudan√ßa de foco¬†(Halliday fez da ca√ßa uma esp√©cie de mea culpa), mas o principal √© o ritmo. Tudo acontece num espa√ßo de tempo muito curto, e para dar sentido a essa abordagem todos os personagens vivem conveniente pr√≥ximos fisicamente na vida real, o que faz sentido: se Daito e ShŇć vivessem mesmo no Jap√£o e Art3mis em Vancouver, a a√ß√£o fora do OASIS seria bem mais cadenciada.

Faz sentido para a trama que Parzival e cia. possam se encontrar facilmente no mundo real, mas a sensação de conveniência criada para não gerar barrigas na narrativa é bem evidente.
H√° outras mudan√ßas mais profundas. O ca√ßa-ovos Shoto foi renomeado para ShŇć, provavelmente para evitar liga√ß√Ķes com a palavra ‚Äúshot‚ÄĚ, ou ‚Äútiro‚ÄĚ em ingl√™s e mudou de nacionalidade, sendo agora chin√™s¬†(interpretado pelo novato¬†Philip Zhao)¬†e n√£o japon√™s; claro, isso foi feito de modo que o filme precisa ser apelativo √† China. Por outro lado, toda e qualquer refer√™ncia √† vida pessoal de Aech foi limada do filme, numa prov√°vel tentativa de evitar reclama√ß√Ķes de alguns p√ļblicos.

Samantha Cook/Art3mis, a¬†Manic Pixie Dream Girl¬†da vez tamb√©m mudou bastante. No livro ela √© uma ca√ßa-ovos independente e at√© um tanto ego√≠sta, visando apenas chegar na frente dos outros e taxa Wade/Parzival¬†(que tamb√©m n√£o √© gordo ou narigudo como o original)¬†de maluco quando ele prop√Ķe uma guerra total contra a IOI, mas como a trope manda ela ainda vira a vida do protagonista do avesso a ponto dele cogitar abandonar a ca√ßa ao ovo para ficar com ela¬†(o que ela n√£o faria nunca, ainda que ela tenha de fato uma quedinha por Parzival), mesmo sem nunca t√™-la visto na vida real.
No filme a personagem, interpretada por Olivia Cooke √© quase uma¬†Freedom Fighter, coordena um grupo de ca√ßa-ovos com o objetivo secund√°rio de n√£o deixar a Evil Corp™ controlar o OASIS e chegar ao ovo de Halliday e chega a cobrar mais comprometimento de Wade, sendo ela a que tem a ideia de atacar a fortaleza final e de convocar um ex√©rcito de ca√ßa-ovos, e ela trabalha muito melhor em equipe sob a lente de Spielberg do que sob a pena de Cline.

As referências

 
O livro √© uma insanidade de men√ß√Ķes a uma infinidade de franquias e marcas, dos games mais famosos aos mais obscuros e transformar isso em um filme √© absolutamente imposs√≠vel, n√£o da mesma forma. Primeiro, muitas dessas licen√ßas s√£o car√≠ssimas ou pertencem a companhias rivais, no caso os personagens da Marvel/Disney¬†(a Warner √© dona da DC).
Ainda assim algumas coisas precisavam permanecer por serem relevantes √† trama e para manter o interesse do p√ļblico, como o¬†Gundam RX-78-2¬†(o primeiro e mais ic√īnico, pilotado por Amuro Ray)¬†mas outras dan√ßaram sem d√≥ como o¬†Leopardon¬†do Parzival, o rob√ī gigante da s√©rie japonesa do Homem-Aranha. A Warner, por conveni√™ncia e para amenizar os custos de licenciamento puxou a sardinha para seu lado e deu grande destaque aos personagens que possui; h√° desde os da DC, como Batman¬†(o do Michael Keaton!), Coringa, Exterminador e Arlequina,¬†da subsidi√°ria NetherRealm Studios como Goro de¬†Mortal Kombat¬†e outros como o Gigante de Ferro, que desempenha um papel importante na batalha final.

Há referências também a personagens de empresas que a Warner representa comercialmente, como a Capcom graças à presença de Ryu, Chun-li e outros de Street Fighter e a Blizzard, com a Tracer de Overwatch e Jim Raynor de StarCraft, além de claro a Lara Croft, já que Tomb Raider acabou de ser lançado nos cinemas.
Ah sim: o planeta Transsexual também foi podado, portanto nada de The Rocky Horror Picture Show 24/7.
Ainda assim h√° uma s√©rie de¬†easter eggs¬†que n√£o o ovo de Halliday, com refer√™ncias a s√©ries, filmes e games n√£o s√≥ dos anos 1980 como de d√©cadas mais recentes, desde os Battletoads a personagens do game¬†Battleborn, al√©m de Art3mis possuir a famosa moto vermelha do Kaneda, de¬†Akira¬†(com adesivos da Mulher-Maravilha e doSuper-Her√≥i Americano). Para quem gosta de ca√ßar ovos¬†Jogador N¬ļ 1¬†√© um prato cheio, mas como o ritmo do filme √© fren√©tico o espectador corre o risco de n√£o prestar aten√ß√£o √† trama. J√° a m√ļsica incidental, a cargo do bruxo Alan Silvestri √© fant√°stica e as licenciadas s√£o cl√°ssicos absolutos, como deve ser.
Minha dica: assista primeiro para curtir a hist√≥ria, e veja uma segunda vez para identificar todas as in√ļmeras refer√™ncias do filme.

Conclus√£o

A vers√£o de Steven Spielberg para¬†Jogador N¬ļ 1¬†n√£o √© igual ao livro e isso n√£o √© bom nem ruim, apenas diferente. As sequ√™ncias mais sombrias e dist√≥picas foram completamente omitidas, de modo a criar um senso de urg√™ncia que resolve toda a trama em n√£o mais do que em alguns dias, o que na obra original leva quase um ano entre Wade encontrar a primeira chave e o encerramento da trama.
H√° algumas modifica√ß√Ķes mercadol√≥gicas, como a localiza√ß√£o chinesa de ShŇć e a suaviza√ß√£o da hist√≥ria, j√° que este √© um filme para atingir todas as faixas et√°rias e n√£o s√≥ os saudosistas. Como esperado Spielberg fez do filme uma f√°bula para crian√ßas e adolescentes, mais leve e acess√≠vel onde tudo de resolve dentro do OASIS, quase nunca fora dele e por causa disso, quase n√£o h√° men√ß√£o de como o mundo real est√° indo para a vala.

Isso n√£o quer dizer que¬†Jogador N¬ļ 1¬†√© dispens√°vel, longe disso. Comparado ao livro, como sempre acontece ele perde em muitos aspectos mas voc√™ n√£o precisa l√™-lo para curtir a pel√≠cula, e como obra individual ele cumpre o que promete: um desfile de personagens da cultura pop e gamer dos √ļltimos 40 anos e uma aventura digna da Sess√£o da Tarde: foco na amizade e lealdade, uma causa a ser defendida disfar√ßada de ca√ßa ao tesouro e uma Evil Corp™ a ser derrotada, com boas doses de aventura e romance adolescente.
Se voc√™ est√° procurando um filme que lhe proporcione duas horas divers√£o sem culpa e que ao mesmo tempo massageie seu cora√ß√£o nost√°lgico,¬†Jogador N¬ļ 1¬†√© perfeito.

Texto:   (MeioBit)

Quem é PikachuSama

Editor de Contéudo deste site. Eu não sei muita coisa, mas gosto de tentar aprender para fazer o melhor.

 

  

Posts Relacionados
%d blogueiros gostam disto: