Quinta, 27 De Dezembro De 2018

Anuncie Aqui!

Resenha | Star Wars: Darth Maul (Bunn e Ross)

História focada em Darth Maul mostra acontecimentos de antes de Star Wars: A Ameaça Fantasma, mas não acrescenta muita coisa para esse misterioso personagem da franquia de George Lucas.

 

Imagem relacionada

 

Quando a Disney comprou a franquia Star Wars de seu criador, George Lucas, a empresa dona de Mickey e cia prometeu um agressivo investimento, programando novos filmes. No ramo dos quadrinhos, a aquisição pela Disney também foi sentida, já que ela havia comprado a editora Marvel Comics anos antes. Com isso, a licença Star Wars nos quadrinhos passou das mãos da editora Dark Horse e voltou para a Marvel, que publicou durante as décadas de 1970/1980/1990 os quadrinhos.

Com essa volta dos direitos para a Marvel, a editora investiu pesado na produção de quadrinhos, começando com as histórias que se passavam entre Episódio IV: Uma Nova Esperança e Episódio V: O Império Contra-Ataca, título esse que ficou nas mãos de Jason Aaron. Também, foram lançados títulos focados em diversos personagens da franquia, como Darth Vader, aos cuidados de Kieron Giellen e Salvador Larroca; Han Solo; Princesa Leia, entre outros.

Como não poderia deixar de ser, um dos personagens mais misteriosos da franquia ganhou sua própria história em quadrinhos. A história de Darth Maul antes dos eventos de Episódio I: A Ameaça Fantasma é contada em um encadernado de 05 partes lançado no Brasil pela Panini.

 

Resultado de imagem para Darth Maul Luke Ross

 

Na trama, encontramos Darth Maul extremamente inquieto por não poder se revelar, não podendo atacar e matar os cavaleiros Jedi, alvos de seu ódio. Com isso, atendendo um pedido de seu mentor Darth Sidius, que quer saciar a sede de sangue de Maul, o Sith sai em busca de um alvo que se encontra em um grande leilão intergaláctico. No caminho, ele se unirá a uma gangue de mercenários.

O texto de Cullen Bunn é bem direto e eficiente ao mostrar o ódio que Maul tem guardado dentro de si. Isso é bom porque quando o personagem surgiu em Episódio I: A Ameaça Fantasma, ele entrou mudo e saiu calado, literalmente. No filme prequel, o que mais chamava atenção era seu chamativo visual e seu intimidador sabre de luz de duas pontas, lembrando mais um bastão que uma espada. Ou seja, no filme, essa figura misteriosa chamava atenção, mas nenhuma informação nos era mostrada.

O roteiro funciona até tal ponto, haja vista que quando descobrimos o porquê do ódio aos Jedi tudo é mostrado apenas em um painel e pode soar até mesmo bobo e infantil, pois tudo é mostrado muito rápido, não acrescentando nada de muito relevante ao final.

O que funciona de forma eficiente é a relação conflitante que Maul tem com uma Jedi que encontra em sua jornada, até um trágico final. É o ponto mais desenvolvido, pois os vilões, os mercenários e o cenário como um todo não é explorado como se deveria.

 

Resultado de imagem para Darth Maul Luke Ross

 

Porém, se o roteiro falha às vezes em entregar aquilo que se propõe, a arte está sensacional. Com o traço de Luke Ross, os cenários são bem detalhados, a transição de quadros está ótima e ter o desenhista cuidando das 05 partes da história cria uma unidade no traço que foca o leitor na história, não havendo o estranhamento pela troca de artista no meio da história, como muitas vezes ocorre nos quadrinhos.

 

Resultado de imagem para Darth Maul Luke Ross

 

A edição especial da Panini traz as 05 partes da histórias, as capas originais e uma história extra, escrita por Charles Soule, focando em um droide usado por Maul em Episódio I: A Ameaça Fantasma.

 

Resultado de imagem para Darth Maul Luke Ross

 

Contando com um roteiro que explora bem seu personagem principal até certo ponto,  quando tudo ocorre de forma muito apressada, e uma bela arte que acompanha a história até o final, o especial Star Wars: Darth Maul serve para jogar luz nesse personagem tão misterioso da franquia, mas não consegue desenvolver todo seu potencial.

 

Resultado de imagem para Darth Maul star wars panini

 

Ficha Técnica:

  • Número de páginas: 124
  • Editora Panini
  • Lançado em setembro de 2018
  • Formato: Americano (17 x 26 cm)
  • Lombada quadrada
  • Preço de capa: R$ 19,90
  • 7.5/10
    Roteiro - 7.5/10
  • 9/10
    Desenhos - 9/10
  • 8/10
    Narrativa - 8/10
  • 7/10
    Edição Nacional - 7/10
7.9/10

Summary

Em um conto de fúria liberada, Darth Maul se prepara para seu primeiro encontro com os odiados Jedi. Porém, quando uma Padawan Jedi é capturada por forças sinistras, por que Maul está tão empenhado em encontrá-la? E qual é o papel do bando de caçadores de recompensa, que inclui Cad Bane e Aurra Sing? O mais letal Zabrak da galáxia, como nunca antes visto!

Posts Relacionados
%d blogueiros gostam disto: