Não deixe de conferir nosso Podcast!

Edney Silvestre Lança Seu Novo Projeto, “Casa Comigo”

Depois de lançar o romance “O último dia da inocência e concorrer ao Emmy Internacional pela minissérie “Se eu fechar os olhos agora, adaptada por Ricardo Linhares de seu romance homônimo, o jornalista e escritor Edney Silvestre estreiou o áudio drama “Casa Comigo, na plataforma de áudio de entretenimento Storytel.  É a primeira investida do escritor no universo do áudio.

“Casa Comigo”, passada em tempo real, trata de relações da vida real, das novas e das tradicionais configurações familiares e sociais, do conflito às vezes violento entre gerações, mas traz sobretudo, segundo o autor, uma mensagem de esperança e de amor sem preconceitos, essenciais para os tempos em que vivemos.

Com narração de Edney Silvestre e com cinco personagens cujas vozes foram feitas por atores de teatro, a trama se passa na noite após a votação das eleições presidenciais de 2002, entre Lula e Serra, que levariam a profundas transformações no Brasil.  O que seria um pacato jantar comemorativo entre dois casais transforma-se em confronto, com a chegada inesperada de um homem que representa a força e a permanência dos valores do passado e de segredos difíceis de digerir.

Embora a situação seja tensa, o humor e leveza estão presentes ao longo da história.  Uma narrativa que, como numa peça de teatro física, fisga o ouvinte na expectativa pela resolução de conflitos aparentemente intransponíveis. O fundo musical é composto por uma orquestra de cordas e a ambientação sonora mescla tecnologia e processos artesanais de captação de áudio, fazendo o ouvinte ter a sensação de estar presente nas cenas vividas no apartamento.

“É uma comédia dramática como a vida, horas ela se apresenta mais cômica e horas mais dura. Todas as personagens carregam uma esperança por tempos melhores e representam também as diversas configurações sociais que o mundo atual abarca.  É ainda uma história política que mostra um momento de fé no futuro”, diz Edney.

Para realizar as gravações, foram feitos, previamente, leituras e ensaios do texto entre os atores, com o intuito de criar toda a ambientação sonora típica de uma rádio novela. Lena Horn, diretora da áudio dramatização – que produziu “Casa Comigo” em parceria com a Storytel -, conta que foi preciso desenhar a planta baixa do apartamento onde se dá a narrativa para definir o lugar de cada cômodo da história, de forma que a divisão estereofônica fosse fidedigna.

“Uma peça para áudio precisa de uma coerência sonora fina, é um processo desafiador e complexo para que o desenho sonoro seja realista e o resultado final próximo ao que se vê em uma peça teatral num palco. Fazemos uma pós-produção semelhante ao que se faz no cinema, por exemplo”, afirma ela.

Casa Comigo” é a primeira de três histórias do gênero que Edney Silvestre lança com exclusividade pela Storytel. “Sarah em São Paulo” e “Brilho por Trás das Nuvens” chegam em versão áudio à plataforma no primeiro semestre de 2020.

A Storytel foi fundada em 2005 na Suécia por Jonas Tellander e Jon Hauksson, sendo hoje o principal serviço de streaming de histórias para ouvir e ler do Norte da Europa. Oferece acesso ilimitado a mais de 200.000 títulos em escala global, por exemplo. Presente em 13 países, a empresa começou a funcionar no Brasil este ano, como parte do seu projeto de expansão.

Rafael Machado
Parnaibano, leitor inveterado, mad fer it, bonelliano, cinéfilo amador. Contato: rafaelmachado@quintacapa.com.br