Não deixe de conferir nosso Podcast!

Mythos Editora Cancelará Diversos Títulos de “Tex” em 2022

O ano de 2021 chega ao fim com uma triste notícia para os fãs do ranger mais famoso dos quadrinhos, Tex Willer: ao divulgar seu calendário de publicações de 2022 por meio do Tex Willer Bloga Mythos Editora confirmou a descontinuidade de diversos títulos do personagem.

A primeira ausência, na verdade, já se faz presente neste mês de dezembro. O segundo volume de “Tex Willer Especial“, com a história “Um homem tranquilo“, escrita por Roberto Recchioni e desenhada por Stefano Andreucci, não consta dos planos da editora. O primeiro número, “Fantasmas de Natal“, foi editado em dezembro de 2020, exatamente um ano atrás. A aventura inédita aborda com destaque Sam Willer, irmão de Tex e um coadjuvante pouco explorado no universo texiano.

Capa da edição italiana de “Tex Willer Especial” nº 2, que permanece inédita no Brasil.

Os cancelamentos confirmados são “Tex em Cores“, que trazia as histórias do personagem em ordem cronológica e que alcançara o número 50 há pouco; “Tex Edição Especial Colorida“, replicando o conteúdo da italiana “Color Tex” e que teve 17 edições até o momento; “Tex Platinum“, reedição de séries especiais do ranger como a italiana “Almanacco del West” e de arcos fechados, ganha sua edição derradeira, a 36, neste mês de dezembro; além da série “Tex Graphic Novel“, que recentemente trouxe o volume “Snakeman“, com arte do celebrado Enrique Breccia.

E não para por aí: as longevas séries “Tex Edição Histórica” e “Tex Edição de Ouro” devem ser descontinuadas tão logo cheguem ao número 120. A primeira alcançará a efeméride em julho, não constando no calendário de publicações nos meses subsequentes. Já a segunda alcançará tal numeração em novembro.

 

Mas a editora reservou algumas surpresas. A primeira é, sem dúvidas, a publicação do primeiro omnibus de Tex no Brasil. Trata-se de uma edição parruda, com mais de mil páginas, contendo as primeiras histórias do personagem em ordem cronológica (sim, o mesmo conteúdo da cancelada “Tex em Cores”). Já “Superalmanaque Tex” sai da periodicidade anual após três volumes e sairá semestralmente, com previsão para os meses de abril e setembro de 2022.

Conforme o texto do blog recorda, eventuais mudanças no planejamento podem ocorrer ao longo dos meses vindouros, com o resgate de algum título ou sobrevida de outro. Resta aos leitores e colecionadores aguardar.

Rafael Machado
Parnaibano, leitor inveterado, mad fer it, bonelliano, cinéfilo amador. Contato: rafaelmachado@quintacapa.com.br