Sexta, 16 De Novembro De 2018

Anuncie Aqui!

Philip Roth E A América Exposta

Após anos ganhando reedições somente no formato econômico de bolso, a obra de Philip Roth, grande autor americano morto em maio passado, finalmente retoma destaque merecido nas livrarias e lojas virtuais com a caixa de luxo A América de Philip Roth que a Companhia das Letras lança agora em novembro.

Reunindo quatro de seus romances mais impactantes em dois volumes de capa dura, o box é um excelente mostruário da visão avassaladora que o autor tinha sobre os Estados Unidos e sua trajetória na segunda metade do século XX. São eles: Pastoral Americana, Casei Com Um Comunista, A Marca Humana e Complô Contra a América.

As mudanças sociais, políticas e econômicas dissecadas com esmero através de um personagem desnorteado pelas mudanças no espírito de uma época que julgava conhecer. Uma nação precisando encarar seus demônios interiores diante de um escândalo que atravessa de maneira ambígua as esferas do público e do privado. A distopia engendrada a partir de uma ideia assustadora: e se o nazismo imperasse na América?

São estes alguns dos enredos inquietantes e provocadores, considerados por muitos críticos e leitores como a nata de tudo que Roth produziu, uma sequência incendiária escrita em plena maturidade e que colocou definitivamente seu nome como um dos pilares da literatura americana, chegando a ser o único escritor vivo publicado pela Library of America.

O destaque sem dúvida fica para o livro que abre o ciclo, Pastoral Americana, obra que lhe rendeu honrarias como o Pulitzer Prize, o National Medal of Arts e a Gold Medal for Fiction, cedida pela Academia Americana de Artes e Letras. Levado aos cinemas em 2016, uma adaptação estrelada e dirigida pelo ator Ewan McGregor, narra os esforços de Seymour Levov para manter de pé um paraíso feito de enganos. Filho de imigrantes judeus que deram duro para subir na vida, Seymour tenta em vão comunicar um legado moral à terceira geração da família Levov.

Esmagado entre duas épocas que não se entendem e desejam destruir-se mutuamente, Seymour se apega até o fim a crenças que se mostram cada vez mais irreais. A força de sua obstinação em defesa de uma causa perdida lhe confere um caráter ao mesmo tempo de heroísmo e desatino.

Sobre o romance em questão, vale muito a leitura do texto que o professor Arthur Nestrovski produziu à época de sua publicação, pontuando sua análise com uma contextualização que ressalta a relevância assumida e o impacto que teve na própria obra de Roth e a maneira como era, até então, vista pelo público.

Já Complô Contra a América, uma fábula que imagina os Estados Unidos dos anos 1940 governados pelo aviador antissemita Charles Lindbergh, instaurando uma era sombria no país, agora simpático à Alemanha nazista, será adaptada como uma minissérie pela HBO, conforme divulgado pelo canal recentemente.

A caixa é, enfim, uma leitura essencial, profunda e perturbadora, sendo lançada com o preço sugerido de R$ 179,90.

Posts Relacionados
%d blogueiros gostam disto: