Não deixe de conferir nosso Podcast!

Comic Con: Rio Grande Sul festejou a cultura pop no fim de semana

O evento acontece todos os anos na cidade de Canoas, município vizinho a capital Porto Alegre

A grande celebração da cultura pop do Rio Grande do Sul, a Comic Con RS 2023, aconteceu neste fim de semana (3 e 4 de junho) no município de Canoas e atraiu um bom público que foi conferir as atrações da programação.

Entre elas estiveram: “Manolo Rey”, dublador do Homem-Aranha (Tobey Maguire), Will Smith (Um Maluco do Pedaço), o Robin, dos Jovens Titãs, e tantos outros; “Leonardo Romero”, brasileiro que atualmente desenha para a Marvel e a DC Comics, e foi contratado para trabalhar na mais nova animação do Homem-Aranha; a “Lu”, criadora do Arlindo, “Cecília Marins”, autora de trabalhos de jornalismo em quadrinhos, o desenhista e professor “Daniel HDR”, o editor e tradutor “Mário Luiz Barroso”, “Caio Oliveira e Bernardo Aurélio” (PI), e vários outros.

Este ano a organização do evento inverteu os locais e os espaço onde ficava o Artists Alley no ano passado desta vez foi ocupado pelo pessoal da revenda de quadrinhos, action figures, games e outros. A praça de alimentação se manteve na mesma área.

No auditório foram realizados bate-papos com temas bem variados, como: “Power Rangers”, “True Crime: o fascínio pelos casos de crimes reais”, “Quadrinhos, diversidade e resistência”, “Os 30 anos da morte do Superman”, além do conversa com Manolo Rey, Leonardo Romero e Mário Luiz Barroso, editor e tradutor há quase 30 anos e que recebeu uma bela e justa homenagem do evento e do público presente. “Foi a primeira vez que fui convidado a um evento de quadrinhos com destaque. Das outras vezes até falavam comigo, mas só diziam ´aparece lá’. Estou muito feliz”, contou.

Vinicius, do canal 2 Quadrinhos, no bate-papo com o desenhistas Leonardo Romero

Outro momento de destaque no evento foi o concurso de Cosplay. A qualidade do material apresentado provou que o pessoal do Sul também leva muito a sério essa missão.

LEIA TAMBÉM:  Resenha: Dylan Dog - Horror Paradise
Mário Luiz Barroso: quase três décadas de trabalhando com quadrinhos

O evento também prestou uma homenagem a Edh Müller, um desenhista que em 1978 veio da Alemanha para o Brasil e que tem um vasto trabalho na área de história em quadrinhos e games. Foi o responsável pela produção, direção geral e ilustração do game brasileiro Tormenta. Atualmente participa de diversos projetos relacionados a games, quadrinhos e design editorial. Além de tudo isso, EdH Müller tenta tocar guitarra e é colecionador de retro games.

O encerramento foi com apresentações de K-Pop.

Jornalista formado pela Universidade Federal do Piauí com mais de 20 anos de atuação na área, sempre com destaque para área cultural, principalmente no campo das histórias em quadrinhos, cinema e séries.