Não deixe de conferir nosso Podcast!

Conheça o Apocalypse World, a nova aposta da Secular Games

Após reformas, a editora Secular Games anunciou a pré-venda de Apocalypse World

Se você está no mundo dos RPGs de mesa por algum tempo, você provavelmente sabe sobre a Apocalypse World Engine. Sendo um sistema simples e facilmente modificável, ele parece ter bastante preferência para desenvolvedores indie. Jogos como o Dungeon World (que explora a Espada e Feitiçaria), O Véu (sobre Cyberpunk) e o recente Perdidos (inspirado em Bloodborne) utilizam o Apocalypse World Engine (abreviado como AWE).

Essa Engine carrega o nome do jogo que a primeiro criou: Um jogo de sobrevivência em um futuro sombrio e pós apocalíptico chamado Apocalypse World.

194344.jpg

Como funciona o Apocalypse World?

Inaugurando a nova leva de jogos que incentivam o improviso e menos trabalho prévio antes da sessão. “Jogue e veja o que acontece” é o mote da maioria de seus derivados. Graças a isso, apesar do jogo ter a temática Pós-Apocalíptica, ele não possui um cenário definido. Ele dá elementos que você pode utilizar dentro qualquer cenário deste gênero, tornando assim, possível o improviso dentro da sessão.

Outra coisa que facilita muito é o próprio sistema de testes: Basta jogar dois dados de seis lados, botar qualquer modificação necessária, e ver o resultado. Se der 10+ você teve um sucesso, 7~9 você teve um sucesso com alguma dificuldade e com 1~6 o mestre deve escolher as consequências. Portanto, não precisa pensar na ficha de uma criatura ou na Classe de Armadura dela pra jogar contra seus jogadores.

E a Edição Nacional?

A pré-venda do jogo está disponível no site da Secular-Games. Isso significa que já é certeza que o jogo será lançado. Mesmo assim, quando você checar no link da pré-venda, você verá que assim como em financiamentos coletivos, existem brindes e metas extras.

Caso o jogo venda 100 unidades, ele passa a ser capa dura. E todos que participarem desta pré-venda ganharão um par de dados de 6 lados exclusivos. O formato do livro é menorzinho, tamanho A5 e a previsão de entrega é pra novembro de 2019.

John Cavalcante
Cortador de cana na empresa Quinta Capa