Não deixe de conferir nosso Podcast!

Crônica | Sejamos mais Yamcha e menos Goku

Mesmo sendo considerado uma piada entre os heróis de Dragon Ball, Yamcha nunca desistiu e seguiu seu sonho.
Yamcha
Reprodução

Mesmo sendo considerado uma piada entre os heróis de Dragon Ball, Yamcha nunca desistiu e seguiu seu sonho.

Quando Yamcha apareceu pela primeira vez nas aventuras de Goku em busca das Esferas do Dragão, ele era um bandido bonito, com um coração de ouro, porém, muito fraco para relacionamentos do sexo oposto. Com o tempo, ele abandonou essa vida bandida, limpou o nome no mercado e se tornou um atleta profissional. Depois disso, Yamcha se transformou na pior piada do fandom mundial de Dragon Ball.

Estamos em 2021 e a imagem abaixo, o famoso “Yamcha Morto”, ainda é um meme poderoso quando queremos falar que uma pessoa é um fracassado.

Yamcha
Reprodução

Nesta cena histórica e fatídica, Yamcha foi explodido pelo ataque suicida de um Saibaman – um alien que servia como escravo de combate quando Vegeta vem para a terra pela primeira vez como conquistador de planetas. O que as pessoas sempre deixam de fora é que momentos antes de morrer, Yamcha derrota um Saibaman com seu Kamehameha. Na segunda vez que Yamcha morreu, ele foi transformado em chocolate e comido pelo demônio Majin Boo. Ele morreu apenas duas vezes em toda a série Dragon Ball, sabiam disso? Temos que parar a narrativa de que Yamcha era morto toda semana nos episódios de Dragon Ball. Goku morreu mais que Yamcha!

Ainda sobre o golpe especial Kamehameha, Yamcha é um dos quatro humanos a aprender essa técnica. Mestre Roshi (Kame), o criador, o avô do Goku Son Gohan, Kuririn e Yamcha. Ele está em uma classe muito rara de lutadores. Esse não é o seu único ataque devastador também. Existe o Roga Fufu Ken (Punho do Lobo Selvagem), um ataque físico magistral que lança uma rajada de punhos, pés e talvez até dentes em um oponente e o que levou Yamcha às últimas rodadas dos torneios de artes marciais.

Para quem não sabe, quem apresentou o lance do KI na época, foi o Yamcha, ele chamava Bola Espiritual.

Yamcha treinou com o Mestre Kame e o Senhor Kaio, temos que reconhecer isso. Mas, antes de qualquer um desses, ele foi autodidata. E apesar de tudo, ele perdeu apenas para o Mestre Kame, Tenshinhan e Kami-Sama. Essa não é uma lista ruim, especialmente quando ele consegue se tornar mais forte do que duas das pessoas nessa lista. Yamcha venceu Piccolo e Goku, não esqueçam disso!

As pessoas subestimam Yamcha porque ele foi jogar beisebol profissional quando começou a perder lutas contra inimigos que sempre acontece na terra do universo Dragon Ball. Os fãs da franquia assumiram que ele parou de treinar e isso não é verdade.

Ele continuou treinando, mesmo sabendo que não podia mais vencer. Yamcha é semelhante ao Kuririn, faz um esforço tremendo para continuar lutando ao lado dos Sayajins. Yamcha tentou uma vez treinar na gravidade normal da Terra 300x, o que mataria um humano normal. Sua lógica para fazer isso foi simples, se Vegeta e Goku poderiam fazer, ele também conseguiria. Mesmo que Yamcha tenha sabido que seria morto na fase dos Androides e Cell, Boo ou quem quer que seja o vilão da vez, ele ainda aparece fazendo o que pode para ajudar, ao contrário do Tenshihan e Yajirobi. E ele se orgulha muito disso.

Se você não pode respeitar Yamcha por sua força. Respeite-o por sua tenacidade mental. O homem foi quebrado mentalmente mais do que qualquer outra pessoa na franquia, mas ele continua. Bulma o deixou pelo Vegeta e Vegeta constantemente o lembra disso. Ainda assim, Yamcha trata Trunks como seu próprio filho, basicamente sendo o padrinho. Ele não conseguia acompanhar as batalhas, então encontrou uma nova paixão no beisebol em que se destacou, usando-o como uma maneira de viajar pelo mundo treinando novamente.

Existe um episódio especial na fase Dragon Ball Super que sobre o Yamcha ensinando os guerreiros Z a jogar beisebol, talvez seja o único episódio de toda a franquia que ele é o protagonista.

Yamcha não é o maior artista marcial de todos os tempos, ele é apenas um dos três principais artistas marciais humanos. Ele se considera o número dois. O Rapper Big Sean tem uma música chamada Bounce Back, que mais ou menos assim em português: “A noite passada levou um pedaço de mim, mas hoje à noite eu me recupero”. Essa tem sido toda a carreira de Yamcha. Ele encontra uma maneira de seguir em frente, por décadas. Deveria ter terminado quando Tenshihan o derrotou no torneio Mundial de Artes Marciais. Deveria ter parado quando aquele Saibaman o explodiu. Deveria ter parado quando Bulma lhe deu um fora. Ainda assim, ele se recuperou, todas as vezes.

 

Crônica | A Viagem de Chihiro encanta ao capturar as imperfeições da vida

PikachuSama
Editor de Contéudo deste site. Eu não sei muita coisa, mas gosto de tentar aprender para fazer o melhor.