Não deixe de conferir nosso Podcast!

Lista | Jogos de mundo aberto para fugir do isolamento e confinamento

Horas de jogo que parecem minutos. Gráficos cativantes, músicas que grudam em seu cérebro, lutas épicas e histórias que as vezes fazem nossos olhos suarem.
Jogos para combater o confinamento

Em tempos de confinamento, isolamento social e quarentena nada melhor do que um mundo vasto e aberto para explorar aí do sofá, correto?

Já ouviu falar em “Febre da Cabana” (Cabin Fever)? Apesar de não ter uma definição oficial por não se tratar exatamente de uma desordem psicológica quem desenvolve essa condição sente efeitos como emoções negativas, irritabilidade, tédio, dificuldade de concentração entre outros.

Em tempos de confinamento coisas assim podem acontecer a qualquer um de nós e para tentar combater tais sintomas, emoções e sensações resolvemos fazer essa listinha para tentar te levar a mundos gigantes e abertos mesmo sentado aí no sofá!

Vida real? Fantasia? Passado? Futuro? Temos de tudo um pouco nessa lista!

Red Dead Redemption 2

Nesse game da Rockstar Games temos uma aula de com criar um mundo cativante e que conseguimos acreditar em sua realidade. Horas em cima de um cavalo, muitos tiros e caças ao tesouro são coisas que você encontra em RDR2. Com uma campanha “offline” muito bem elaborada e multiplayer online com vários modos e objetivos muitas horas de imersão são garantidas!

The Elder Scrolls: Skyrim

Um game que tem quase uma década de vida mas que se mantém firme e forte entre os apreciadores do gênero. Fazendo parte do estilo fantasia, encontramos uma variedade enorme de raças, aliados e inimigos. Com a jogabilidade muito elogiada entre os gamers Skyrim conta ainda com uma boa base de criadores de mods gratuitos que trazem conteúdo novo para o jogo ajudando a manter a base de usuários sempre alta.

Grand Theft Auto 5

Tendo com lar a Califórnia, GTA5 é mais um jogo da Rockstar Games que se destaca por se passar nos tempos atuais. Dirigir carros roubados e fugir da polícia ainda é um grande chamariz do GTA porém nessa versão há muito mais a fazer na cidade. O game conta com um imenso mapa aberto em 4K em 60FPS pra quem pode e vários modos de jogo que incluem o super famoso GTA5 Online que suporta até 30 jogadores e dois espectadores.

The Witcher III: Wild Hunt

Ganhador de uma enorme lista de prêmios, The Witcher III: Wild Hunt é considerado por muito como um dos melhores jogos de todos os tempos. Aqui nós voltamos ao tema fantasia, jogamos como o bruxo e caçador de monstros Geralt de Rívia que procura por uma criança da profecia em um mundo gigante, cheio de cidades, ilhas, cavernas e desfiladeiros sombrios. The Witcher III conta com um sistema de combate muito elogiado mas tenha cuidado com quem você ataca, suas decisões impactam tanto na trama principal como nas secundárias.

The Legend Of Zelda: Breath Of The Wild

Esse clássico da Nintendo nunca perde sua importância. Breath of the Wild é a versão mais aberta do jogo em 30 anos de existência. A seu favor está o fato que é recomendado para toda a família (ao contrário de todos os outros listados aqui) e mesmo tendo gráficos que remetem a uma temática infantil, os adultos se divertem muito com o game. Em termos de jogabilidade, TLOZ tem em sua maior parte uma sensação de solidão porém há muitos personagens marcantes que Link, personagem jogável, tem que interagir durante sua jornada. Faça sua jornada do seu modo, converse com cada NPC ou vá direto ou chefe final, você que manda!

Horizon Zero Dawn

Aaah esse aqui foge um pouquinho, quase nada, da nossa atual realidade. Nesse game que inicialmente era exclusivo do PS4 e recentemente chegou para PC você é um caçador em um futuro pós-apocalíptico com DINOSSAUROS ROBÔS!!! Horizon Zero Down consegue ser futurista e antigo ao mesmo tempo! Com jogabilidade, que lembra um pouco Monster Hunter World, onde você tem que caçar basicamente com arco onde seu sucesso depende somente em sua mira e habilidade de esquiva o game tem gráficos excelentes para um jogo de 2017 e que hoje ainda dá uma surra em vários novatos.

Assassin’s Creed Odyssey

Seguindo a onda do Zelda, Odyssey é o capítudo de Assassin’s Creed com maior liberdade para o jogador. Com um mapa com cerca de 150km² o game oferece uma experiência quase 100% aberta. Em termos de jogabilidade Odyssey é um pouco diferente dos AC anteriores com relação a movimentação pois não se passa em cidades distintas e sim em um mini continente. Para muitos essa mudança não foi muito agradável por estarem acostumados com o estilo da franquia porém aqui temos uma história e modo de jogo bem mais conciso e crível.

No Man’s Sky Beyond

Pois é… No Man’s Sky está aqui sim! Esse teve um início bem conturbado com decepção dos jogadores e desespero dos desenvolvedores. Tá você pode argumentar sobre o tal “mundo aberto” aqui porém se não temos um mundo aberto de verdade podemos dizer que temos um universo aberto. Com incontáveis planetas para explorar e com a adição do suporte a realidade virtual a imersão fica muito mais latente. No Man’s Sky conta com pequenas atualizações frequentes adicionando sempre novas formas de exploração, formas de vida novas e tipos de naves (inclusive sencientes) dificultando a monotonia de se aproximar.

Just Cause 3

Mesmo tendo o quarto capítulo da franquia lançado, Just Cause 3 ainda é o ponto alto. Com mais de 600km² de mapa para explorar livremente e uma variedade enorme de armas e veículos é um jogo bem mais aventura do que RPG comparado aos outros dessa lista. Controlando Rico Rodriguez, sua missão é acabar com o governo do ditador General Di Ravello. Nadando, correndo, dirigindo, voando… não importa onde, é tiro pra todo lado e liberdade de ir e vir para o que der e vier!

Kingdom Come: Deliverance

Aqui está um jogo diferente da maioria em geral. Iniciamos como Henry, um filho de ferreiro que vê sua família e conhecidos serem mortos em meio a uma guerra civil. Escapando por pouco, você decide pegar uma espada e iniciar sua vingança. Diferente da maioria dos jogos você não é ninguém e passa um bom tempo assim. Nada de ser o prometido, o escolhido ou o grande guerreiro que perdeu seus poderes ou memória. Kingdom Come Deliverance é um jogo não tão conhecido mas que conta com um mapa imenso, história não linear (onde você pode fazer as missões quando quiser e na ordem que desejar), suas atitudes alteram todo o caminhar da história e ainda por cima conta com figuras históricas reais em uma reconstrução genuína da região da Boêmia medieval.

Gostaria de adicionar mais algum à lista? É só deixar sua opinião aí embaixo nos comentários!

timEU
Desenvolvedor desse site e de alguns outros. Pai de Valentina e Edgar, duas crianças que me dão uma lavada nos games... Vez ou outra resolvo escrever algo aqui sobre games, música ou tecnologia.