Não deixe de conferir nosso Podcast!

Crítica | Oh, My Venus não é apenas um drama sobre aparência

Resumo crítico de Oh, My Venus sem spoiler. Emagrecer nunca foi tão divertido.

Oh My Venus
Reprodução

Resumo crítico de Oh, My Venus sem spoiler. Emagrecer nunca foi tão divertido.

 

Segundo a sinopse oficial, Oh My Venus conta sobre quando uma garota que ocupava o topo da hierarquia em matéria de aparência no ensino médio se transforma em uma mulher adulta que está em último lugar nesse departamento, é possível voltar ao topo? Kang Joo Eun (Shin Min Ah) era invejada por todas as garotas e desejada por todos os garotos no ensino médio por causa de seu lindo rosto e corpo arrasador. 

Apesar de vir de uma família pobre, Joo Eun estava determinada a ir para a faculdade de direito e se tornar uma advogada. Aos 33 anos de idade, ela já alcançou seus objetivos profissionais e está em um relacionamento estável com seu namorado do ensino médio, Im Woo Sik (Jung Gyu Woon), há 15 anos. Mas ela se descuidou ao longo dos anos e agora está com sobrepeso, sendo frequentemente ignorada e esquecida pela sociedade e por seus colegas de trabalho. No voo em que voltava de uma rápida viagem de negócios aos Estados Unidos, Joo Eun tem um embaraçoso encontro com John Kim Yeong Ho (So Ji Sub) e seus dois assistentes Jang Joon Seong (Sung Hoon) e Kim Ji Woong (Henry). 

Yeong Ho é um personal trainer celebridade que está envolvido em um escândalo nos Estados Unidos e é forçado a ir para a Coreia até que as coisas se acalmem. Mas sua família rica tem outros planos para ele. Assim que descobrem que ele está de volta à Coreia, sua avó nomeia Yeong Ho como o novo presidente da empresa de serviços médicos da família e o impede de voltar aos Estados Unidos. Uma bolsa perdida faz com que Young Ho se reencontre com Joo Eun e testemunhe outra vergonha pessoal para Joo Eun logo após ela ter sido abandonada por Woo Sik e descobrir que ele está saindo com sua nova chefe, Oh Soo Jin (Yoo In Young). Como parece ter se tornado um hábito para Yeong Ho resgatar Joo Eun de apuros, ele também conseguirá ajudá-la a recuperar a antiga forma? “Oh Minha Vênus” é um drama sul-coreano de 2015 dirigido por Kim Hyung Suk.

LEIA TAMBÉM:  Crítica | Belas Maldições (Good Omens) da Amazon faz justiça em sua minissérie

Na verdade Oh, My Venus é um drama tapa buraco que deu MUITO CERTO quando foi lançado. Durante bastante tempo, era anunciado que Shin Min Ah e So Ji Sub tinha fechado com um drama secreto, os dois na época, eram modelos principais da marca Giordano, mas por causa da agenda dos dois, o projeto principal não saiu do papel, claro, que essas informações a gente colhe na internet e elas não podem ser verdadeiras, porém, Oh, My Venus surgiu para que as produtoras pudessem usar as duas estrelas de alguma forma. 

Shin Min Ah e So Ji Sub
Shin Min Ah e So Ji Sub fazendo campanha para a marca Giordano (Reprodução)

A sinopse acima já explica bem o que se espera desse drama, mas ainda assim, seria legal pontuar outras coisas extras sobre ele. Na verdade, eu adorei! Assisti em apenas dois ou três dias. O título original traduzido seria na verdade A Venus de Daegu, a cidade natal de Kang Joo Eun (Shin Min Ah). E toda a proposta da história é contar que apesar de você conseguir tudo que quis, a vida pode lhe dar uma reviravolta em todos os seus planos do dia para a noite e que você também não precisa ser a pessoa mais bonita, mais magra ou mais perfeita que existe para ser feliz.

Min Ah tem uma incrível capacidade de mudar as feições de uma cena bem pesada e dramática para algo engraçado em segundos. Quando ela faz algo engraçado a gente morre de rir, quando ela chora de tristeza a gente morre de chorar. A história de Oh, My Venus também não se concentra apenas no processo de emagrecimento de Kang Joo Eun, mas também conta sobre a família de John Kim e todo seu passado, sobre o que faz ele se importar tanto com a saúde. O drama também conta com temas bem atuais, como é o caso do lutador e pupilo do Jonh Kim, Jang Joon-sung (Sung Hoon)que foi adotado e levado quando criança para os Estados Unidos e tem um sonho simples: encontrar com sua mãe biológica verdadeira. Quando ele acaba encontrando ela, descobre da forma mais triste possível os motivos de ter sido adotado. Muita gente considera Oh Soo-jin (Yoo In-young) a vilã, mas no fundo, ela passou muita dor na juventude e quando chegou ao topo, percebeu que não havia conseguido nada.

LEIA TAMBÉM:  Crítica | The Promised Neverland, primeira temporada (Netflix)

Há uma frase que gosto muito de Oh, My Venus que Kang Joo Eun sempre fala em todos os 16 episódios “Eu sou Kang Joo Eun, posso fazer qualquer coisa quando me dedico a isso” é uma mensagem para todos nós de que podemos fazer qualquer coisa desde que acreditemos em nós mesmo. Jonh Kim se apaixona por ela não por causa de seu físico, mas por causa dessa força que ela tinha sobre todas as dificuldades que a vida lhe apresentou. Aparência pode ser importante para muita gente, mas não é tudo.

Oh My Venus
Cena belíssima e engraçada quando Jonh Kim se declara para Kang Joo (Reprodução)

A química do elenco é ótima, Shin Min Ah e So Ji Sub deram muito certo, claro, existem momentos tristes envolvendo os dois, mas eles vão superando cada problema do jeito que dá. As cenas são bem escritas e eles parecem que estão brincando de atuar, é um grande momento do drama sempre que os dois estão em cena. Além disso, todos os atores que participaram do começo ao fim fizeram um belo papel. Yo In-young é incrível, sempre tem uma presença de de tela inacreditável. Do elenco principal apenas o personagem Kim Ji Woong (Henry) é que poderia ter sido deixado de lado, o cara só tem cenas fazendo alguma coisa engraçada e nada mais. Mas tudo bem, tem gente que adora isso.

A única coisa que não engoli foi a maquiagem quando Kang Joo Eun estava acima do peso ideal, é horrível! Não venham me falar que ficou bom que não ficou!! Não falarei da maquiagem que fizeram na jovem Oh Soo Jin (Yo In-young), que coisa amadora, meu deus do céu! Mas enfim!

Mais do que isso, estaria dando spoiler para quem ainda não assistiu, por isso, fico por aqui e espero que se divirtam assistindo Oh, My Venus que está disponível na Netflix. A trilha sonora também é muito boa!! Recomendo!

Oh My Venus
Da esquerda para direita: Sunghoon é Jang Joon Sung, Yoo In Young é Oh Soo Jin, So Ji Sub é John Kim, Shin Min Ah é Kang Joo Eun, Jung Gyu Woon é Im Woo Shik and Henry é Kim Ji Woong (Reprodução)
Editor de Contéudo deste site. Eu não sei muita coisa, mas gosto de tentar aprender para fazer o melhor.